De que maneira você avalia os resultados das suas ações de marketing digital? Se a sua resposta foi algo como “péssimos” ou “pouco satisfatórios”, é bastante provável que a sua produção de conteúdo não esteja dando a devida atenção para a geração de leads.

Se esse é o caso, pode ser que você esteja com dificuldades para fazer os investimentos valerem a pena, certo? Então fique sabendo que este artigo foi feito para ajudá-lo.

Mais do que apenas gerar leads, é fundamental que eles sejam definidos corretamente, ou seja, de acordo com o sua etapa no funil de vendas. Neste artigo, mostramos como aumentar a geração de leads por meio de materiais ricos. Aproveite!

O que são os materiais ricos?

De forma clara e objetiva, os materiais ricos apresentam ideias aprofundadas e verdadeiramente relevantes sobre um determinado assunto e/ou interesse. É assim que eles devem ser entendidos com relação à geração de leads.

Porém, quando é o funil de vendas que está sendo observado, esses conteúdos são as ferramentas que permitem a transição dos leads de um estágio para o outro. Os materiais ricos são essenciais para avançar os possíveis clientes para uma das etapas mais importantes: o meio do funil.

Quais são os principais tipos de materiais ricos?

E-books

Certamente os mais comuns, os e-books devem apresentar informações que o leitor consiga absorver e tirar algum proveito, como a solução de um problema ou a introdução de um assunto. O conteúdo precisa ser completo, com um começo, meio e fim. Eles são geralmente utilizados no topo do funil.

Infográficos

Dados estatísticos ou que ensinam as pessoas a fazer algo para resolver o problema abordado, os infográficos podem ser de grande ajuda no que se refere à geração de leads.

O recomendado é elaborar um conteúdo que tenha uma sequência lógica, uma espécie de storytelling contado por meio de uma única imagem. Assim como os e-book, é o topo do funil o destino mais usual dos infográficos.

Webinars

Outro material rico muito interessante é o chamado webinar, que além de aumentar a sua geração de leads, proporciona a oportunidade de interagir com eles. Os webinars de topo de funil são gratuitos e devem pedir ao visitante o seu nome e e-mail para que ele seja avisado posteriormente acerca do dia e horário do evento.

Além desses, os whitepapars e os templates também podem ser considerados materiais ricos. O primeiro é semelhante a um e-book, com a diferença de que costuma ser mais prático, voltado para a execução. O segundo diz respeito à planilhas ou documentos que contribuem para a organização de uma atividade, por exemplo.

Por que a etapa de meio do funil é tão importante?

Citamos anteriormente que a etapa de meio do funil é uma das mais importantes. Você sabe por quê? Independentemente do que pense, esse estágio é responsável por nutrir os leads, que se encontram aqui por que estão em busca de alternativas e analisando as soluções para os seus problemas.

Isso reforça o valor dos materiais ricos, já que são eles que trazem os leitores do seu blog e/ou os seguidores das suas redes sociais para essa etapa. Desse ponto em diante, você sabe que eles podem se tornar clientes, mas antes é preciso levá-los para o fundo do funil.

Como? Produzindo conteúdos ainda mais aprofundados, oferecendo o teste grátis de um determinado produto, tabelas de preços, consultorias, comparativo entre ferramentas, etc.

Por fim, não poderíamos deixar de falar da importância das landing pages para apresentar esses materiais. Capriche no layout, nas imagens e principalmente nos formulários. Entenda que uma landing page bem construída passa segurança para o visitante, colaborando, assim, para o aumento das taxas de conversão. Nesse caso, a geração de leads.

Se quiser saber mais, siga e acompanhe as nossas redes sociais. Estamos no Facebook, Instagram, Twitter e YouTube!