Prática comum de mercado, a análise da concorrência digital é um dos mais importantes passos de uma eficiente estratégia online e tem como principal vantagem a facilidade de sua realização e a quantidade de informações, e insights, que você conseguirá para aplicar em seu site.

Vale lembrar que para te auxiliar, será necessário que você utilize alguma ferramenta de análise digital, assim ficará mais fácil de fazer sua pesquisa, além da possibilidade de se obter uma visão completa das estratégias de marketing de seus concorrentes, permitindo que você conheça o que é necessário direcionar para o seu público na disputa de tráfego, além de obter conhecimento no que você precisa superar os seus concorrentes.

 

Como iniciar uma análise competitiva?

Definir o seu nicho é mais do que o primeiro passo de uma estratégia digital. É saber em qual mercado você pretende competir e conhecer a forma de se apresentar no mesmo.

Para isso, utilize os mecanismos de buscas e faça pesquisas que você considera relacionadas diretamente ao seu negócio e ao tipo de conteúdo que você pretende oferecer.

Com elas em mãos, é importante verificar, através de ferramentas de pesquisa, a forma ideal a ser apresentada, a fim de atrair o tráfego que você deseja ao seu site.

 

Identificando a concorrência

A primeira coisa a ser feita é identificar os seus principais concorrentes.

Para isso, você precisará identificar quais são as palavras-chave exatas, tanto de tráfego orgânico, e pago, que farão parte de sua estratégia, verificando volume delas e levantando os concorrentes que dominam essa área do ambiente digital.

Com os concorrentes determinados, verifique a autoridade dos sites e o número total de domínios de referência de cada um deles. Essas métricas fornecem a indicação de competitividade geral do nicho que você determina importante para a atuação do seu serviço, já que apresenta números do desempenho atual de cada um deles. Em algumas ferramentas, é possível acompanhar a conquista desses resultados por data, permitindo que você descubra qual concorrente vem realizando ações recentes em seu site.

Uma dica é levantar o máximo possível de concorrentes reais e potenciais. Mesmo que alguns não sejam tão diretos ao seu serviço, analisando-os poderá trazer um número maior de ideias que você poderá aplicar em seu site ou serviço.

 

Análise de Tráfego

Com os concorrentes definidos, a segunda análise a ser realizada é a de desempenho de seus sites e quem é o público que melhor se relaciona com eles.

Nesta etapa, alguns importantes pontos terão que ser analisados com o auxílio de alguma ferramenta de análise online, já que os dados necessários dos concorrentes são sigilosos, e você terá que realizar a análise com uma base estimada de números fornecida.

Aqui, os principais pontos a serem considerados são:

  • Volume de tráfego orgânico e pago
  • Quais são os principais canais de tráfego
  • Qual a praça do tráfego
  • Quais são os sites que fornecem referências a eles
  • Estatísticas de desempenho do tráfego, como: total de páginas visualizadas, duração das visitas, taxa de rejeição, etc.

Com essas informações, você conseguirá apontar onde a sua estratégia de marketing online deve atingir para melhorar o seu desempenho no cenário.

 

Análise de Tráfego Orgânico

Durante a análise, as informações obtidas por tráfego orgânico podem receber um detalhamento maior. Os principais pontos a serem analisados são:

  • Evolução mensal de tráfego orgânico
  • Número total de keywords (palavras-chave)

Com o tráfego, você consegue ter uma estimativa de investimento no cenário digital por parte do concorrente e descobrir quais pontos de sua estratégia online estão dando resultados. Com o número de keywords, além de você descobrir as palavras-chave trabalhadas, é possível também obter ideias de palavras a serem trabalhadas, talvez com menos números de buscas, ou com baixa concorrência.

 

Análise de Conteúdo

Com as informações de acesso definidas, na sequência é importante conhecer o que é oferecido por seu concorrente:

  • Conteúdo com tráfego maior
  • Conteúdo que mais recebe links
  • Conteúdo mais compartilhado

Sabendo qual conteúdo apresenta tráfego maior e menor, é possível descobrir o que tem dado certo, e o que tem dado errado, no quesito páginas do site. Com as páginas mais linkadas, você descobre a forma de linguagem e o formato do conteúdo que é referenciado na internet. Com isso, é possível tornar-se uma autoridade em determinado nicho. Além disso, informações que envolvem ações nas mídias sociais, também merecem uma devida atenção, afinal são compartilhamentos por perfis sociais, de potenciais e reais clientes diretos.

Para complementar, é possível ver a dados de SEO bem específicos, como o total de uso de keywords e suas complementares em artigos, referências de conteúdo para incluir em seu site e o direcionamento de links para o seu concorrente, servindo como uma base a ser abordada em uma ação de conquista de links.

Lembre-se de ficar atento ao conteúdo que você sentir falta e que verificou, em outras análises, se apresentar como potencial. A ausência na sua concorrência pode ser um grande insight para a conquista de um novo, ou específico, público.

 

Análise de Tráfego Pago

E para finalizar, é válido dar uma espiada nas campanhas pagas feitas por seus concorrentes. Mesmo que não seja o seu objetivo investir em publicidade paga, essas informações podem conter referências de conteúdo e apontar possíveis falhas da campanha concorrente.

Para essa análise, são importantes os seguintes pontos:

  • Quais palavras-chave compradas pela concorrência
  • Quais os tipos e formatos de anúncios e onde estão sendo apresentados
  • Páginas direcionadas pelos anúncios

Palavras muito trabalhadas pela concorrência, claramente, apontam sinais de rentabilidade delas e de sua concorrência, apresentando possibilidades de serem trabalhadas ou o investimento ser direcionado para outras. Em resumo, é possível descobrir a estratégia de links pagos do concorrente.

 

Ferramentas para Análise da Concorrência Digital

Apesar de parecer complexo, o uso de ferramentas para essa análise facilitam em muito todo o processo e o entendimento dos resultados. Algumas com versões pagas, oferecem uma análise complexa, que conta até com insights de melhorias em sua estratégia, entretanto, essas mesmas oferecem um conteúdo de análise grátis e limitado, mas que pode auxiliar quem está iniciando no mercado digital.

Como sugestão, apontamos algumas ferramentas:

SEMRush: oferece uma conta grátis de análise e limite diário de pesquisas, entretanto é sempre atualizada com as últimas mudanças do mercado digital e apresenta inúmeros insights de melhorias, de acordo com a sua estratégia.

Ahrefs: ferramenta que oferece um limite temporário de uso até que seja cobrada, entretanto apresenta uma complexa profundidade de análise, incluindo estimativas de resultados internos das páginas dos concorrentes e de seus links conquistados.

similarWeb: ferramenta com opção limitada gratuita, mas que oferece grande alcance em suas análises, principalmente de backlinks e formatos.

Pronto, esses são alguns dos principais pontos de uma análise da concorrência digital, mas, claro que cada uma é diferente de acordo com o tipo de negócio, com alguns itens merecendo mais detalhamento no levantamento de seus números e resultados.

Bom, esperamos que esse texto tenha oferecido alguma ajuda no desenvolvimento de sua análise e não se esqueça de compartilhar conosco o seu resultado. Até mais!